Caixa negocia dívidas com descontos de até 90% à vista


A Caixa Econômica Federal lançou a campanha Quita Fácil em Goiás com o objetivo de facilitar aos clientes do banco a regularização de contratos em atraso, com descontos de até 90% para pagamento à vista. A partir desta segunda-feira (27) e durante duas semanas, um caminhão fará as vezes de agência e permanecerá estacionado em frente à Estação Goiânia, no Setor Norte Ferroviário, para realizar as operações de renegociação das dívidas. Os interessados também poderão procurar as agências bancárias.

Gerente regional da Caixa em Goiás, Marcos Donizete Lourenço explica que a oportunidade de renegociação contempla contratos comerciais em atraso de pessoas físicas e jurídicas, inclusive os que estão em cobrança judicial. Enquadram-se nesse grupo cartões de crédito, limite de cheque especial, empréstimo de contratação direta (CDC), financiamento de veículos, capital de giro de empresas, construcard e até crédito consignado, a modalidade com as menores taxas do mercado. Apesar de o desconto ser em folha, há situações em que o contratante pode ficar inadimplente, explica Silva.

A Caixa tem hoje em Goiás cerca de 92 mil clientes inadimplentes que se enquadram nos critérios do Quita Fácil, num total de 128 mil contratos. A expectativa do banco é de receber pelo menos 10% dessa base, mas os valores esperados não foram informados. “Como são várias modalidades e há clientes com mais de um contrato, só depois do programa teremos esse número”, justifica o gerente regional da Caixa. As negociações continuarão até o dia 28 de dezembro. A intenção é já conquistar um bom número de inadimplentes já no pagamento da primeira parcela do 13º salário, na próxima quinta-feira (30).

Condições

O gerente regional da Caixa destaca as condições diferenciadas que a instituição financeira está oferecendo aos clientes. “O objetivo da Caixa é proporcionar a milhares de clientes a oportunidade de quitar as dívidas, limpar o nome e começar o ano de 2018 com as finanças em dia”, resume, ressaltando que haverá desconto no valor real da dívida. “São condições únicas, é uma situação inédita nesses moldes”, diz.

Os clientes que procuraram o caminhão-agência da Caixa na Estação Goiânia poderão fazer a adesão e a negociação da dívida no local, mas ele não haverá movimentação de dinheiro no local. Os boletos resultantes das transações poderão ser pagos na caixa ou nos correspondentes lotéricos. Para alcançar a maior parte possível do público potencial, a Caixa enviou correspondências e mensagens eletrônicas por celular chamando para a negociação com o banco. A central de cobrança também está entrando em contato com devedores que atendem as exigências de enquadramento no Quita Fácil.

O programa não contemplará os contratos imobiliários e quem está com prestações do financiamento da casa própria em atraso pode procurar as agências, onde terá outras alternativas para negociação. Quem tem dívidas e não se enquadra no programa tem acesso a outras modalidades, com a possibilidade de parcelamento em até 96 meses, sujeita a diversas variáveis, como valor, tempo de dívida, garantia real e execução. A orientação do gerente é para que todos os que têm débitos busquem a negociação.


Fonte: O Popular

Mais notícias

Comunicado do SECEG

Diante da constatação do Procon-GO envolvendo a cobrança do corte em separado que vem sendo praticada por determinados estabelecimentos de açougue, o Sindicato dos Trabalhadores

Em que podemos te ajudar?