Como procurar emprego online? Veja 42 plataformas de vagas


A crise do novo coronavírus intensificou ainda mais um problema que assombra os trabalhadores brasileiros: o desemprego. No ano passado, os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) registraram a maior taxa de desemprego.


Para aqueles que seguem em busca da recolocação ou até mesmo de seu primeiro emprego, principalmente durante a pandemia, as plataformas de vagas se tornaram cada vez mais importantes.  


Segundo os especialistas, a digitalização dos processos de contratação veio para ficar, principalmente por conta da pandemia, e os candidatos que não se adaptarem ficarão para trás. “Estamos vivendo uma era na qual o candidato precisa se alfabetizar digitalmente, independentemente da idade ou formação. Se não tiver isso, a pessoa fica ausente do mundo, porque as transformações vão continuar acontecendo”, diz Denise Asnis, especialista em RH e co-fundadora da startup de empregabilidade Taqe.


Confira abaixo 42 plataformas de vagas de emprego:

Plataformas de vagas 

 

Plataformas exclusivas de estágio e trainee 

Plataformas voltadas para diversidade e inclusão 

  • BlackVagas: vitrine de profissionais da comunidade negra desenvolvida pelo Movimento Black Money;

  • Camaleao.co: profissionais da comunidade LGBT+

  • Contrate uma Mãe: mães que buscam recolocação com flexibilidade

  • EmpregueAfro: consultoria e recrutamento de profissionais negros

  • Empresas com Refugiados: iniciativa para inserir refugiados no mercado brasileiro

  • Ganbatte: recrutamento, seleção e desenvolvimento de jovens profissionais de grupos periféricos (classes sociais CDE; Negros; Mulheres; LGBTQ+; PcD)

  • HerForce: recrutamento de mulheres com avaliação anônima das contratantes

  • Labora: profissionais com mais de 50 anos

  • MaturiJobs: profissionais com mais de 50 anos

  • TransEmpregos: banco de vagas e currículos para pessoas trans

  • Transcendemos: conectar talentos LGBT+, negros e de outros grupos subrepresentados à empresas comprometidas com a diversidade e a inclusão

  • Vagas PCD: vagas voltadas para profissionais com deficiência

Plataformas por área de atuação 

 

Fonte: Estadão

Mais notícias

Nota de Pesar do SECEG

O SECEG vem de público externar sua tristeza pelo falecimento de duas importantes pessoas. A então colaboradora da entidade e amiga Ana Aparecida Godinho de

Em que podemos te ajudar?