Levantamento mostra que mais de 3 mil microempresas receberam empréstimos durante a pandemia

 

Um balanço realizado pela Goiás Fomento revelou que o governo de Goiás liberou 125,8 milhões em empréstimos para micro e pequenas empresas durante o período da pandemia de Covid-19, que teve início em março de 2020. Foram 3.488 contratos operacionalizados, possibilitando o acesso ao crédito para goianos manterem seus negócios diante das dificuldades financeiras impostas pela limitação das atividades produtivas.

Segundo a agência, entre março e dezembro de 2020, foram fechadas 1.547 operações no Estado que liberaram R$ 82,9 milhões em linhas de crédito para micro e pequenas empresas. No total, 487 do Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe), criado pelo governo federal e operacionalizado pela instituição financeira goiana; e 1.087 contratos das demais linhas de crédito da GoiásFomento.

Já em 2021, de janeiro a maio, os contratos de empréstimos somaram 1.914, sendo 1.638 pelo Programa Estadual de Apoio ao Empreendedor (Peame), e outros 276 contratos pelas demais linhas de crédito da GoiásFomento.

 

Mais notícias

Gerente de loja recebe hora extra?

Sou gerente na empresa onde trabalho e tenho notado um aumento significativo nas minhas responsabilidades, demandando mais horas de trabalho. No entanto, não houve uma

Em que podemos te ajudar?